O homem que queria ser rei

cavaleiro valente desenhado por anderson siqueira

cavaleiro valente desenhado por anderson siqueira

 

O homem que queria ser Rei
por Adriano Siqueira
siqueira.adriano@gmail.com

O Cavaleiro Valente estava caminhando com seu cavalo Branco pela floresta e encontra uma cabana.

-      Branco! Vamos ver se tem alguém lá para tomar um copo d'água!
-      Branco balança a cabeça em sinal de protesto.
-      Ah!... Deixa disso Branco é só uma cabaninha inofensiva.
Valente e Branco entram na cabana que estava aberta. Havia apenas uma mesa com um computador ligado.
-      Olha branco. Um artefato mágico. E tem a foto de uma mulher com vestido vitoriano.Para que serve isso?
Valente usa o mouse e clica na foto e aparece outra.

Veja Branco ela esta chorando! Uma donzela em perigo!
Branco balança a cabeça novamente e tenta puxar o Valente.
-      Olha Branco ela está no castelo, na masmorra e está sofrendo... Temos que salvá-la. Mas onde será? Valente clica
novamente e aparece uma logomarca. BEM-VINDO AO MUNDO VAMPYR.
Então é lá que ela está? Vamos Branco! Temos uma missão!
Valente olha para a tela novamente e vê uma palavra em destaque. – internet –
-      Branco? O que é internet?

Branco levanta suas patas dianteiras e tenta destruir o computador
relincha desesperado.

-      Para com isso Branco! Deixa eu pensar... Inter – dentro - net... Rede... Dentro da Rede... Oh!! É uma armadilha!!!!

Quando branco consegue destruir o computador. Uma rede cai sobre ele prendendo o cavalo. O Valente Fica Desesperado.

-      Branco!!! Branco!!!

Valente diz para o Branco que vai procurar ajuda e corre para a floresta.

Depois de correr uns 500 metros Valente encontra um homem com barba e de cabelos cumpridos e escuro e sorrindo levanta os braços e diz:

-      Olá meu amigo! Estava mesmo procurando você!
-      Eu? Quem é você?
-      Todo mundo me conhece! EU SOU  DEUS NOITE!!!
-      Não... eu não conheço você!
-      Talvez seja a entonação da voz... Preste atenção... Agora com um pouco mais de grave na voz.
-      EU SOU O DEUS NOITEEEEEE!!!
E Eu sou o Valente e meu cavalo esta preso naquela cabanaaaaa!!!
-      Ah... entendi! Você está em choque por isso não me reconheceu... Tudo bem! Eu entendo! Não é todo mundo que encara normalmente uma divindade!
Valente olha sem entender nada e diz:
Meu cavalo esta preso. Preciso de ajuda para tirá-lo da rede.
-      Rede? - Deus Noite diz!  - Você acessou o MUNDO VAMPYR?
-      Bem!... Acho que sim.
      -     Meu amigo... Seu cavalo esta em apuros. Aquela cabana tem um alarme e logo os guardas aparecem por lá, levam seu cavalo para trabalhar no portão do castelo. É bem cruel. Eles o amarram e usam para puxar as portas! O problema é que os cavalos não resistem muito. Construí para elefantes.

-      Você construiu? 
-      Eu... Sim claro! Eu era o dono. SOU DEUS NOITE DONO DO MUNDO VAMPYR!!!

-      Porque está aqui na floresta?

-      Fui expulso! Meu povo se rebelou contra mim. E eu não sei direito do por quê mas, sei que um dia voltarei para aquele castelo e meu reino estará novamente em minhas mãos. E eu não fiz nada de mais. Estava tudo certo existiam muitos bares e ruas com meu nome.
Eles cantavam um hino toda a noite para mim.

Deus Noite começa a cantar e dançar em ritmo de Ópera!

"Quando anoitEEce ele aparece
Seu mAAAnto divino aquece
Seu nOOOme, ninguém esquece.

Deus NOOOOite é eterno!

É REEEEi por ser Noite
É DEEEEus por ser Rei!"

Valente também canta e dança, mas em ritmo RAP.

É verdAde meu brother!
Também fAlo dos meus feitos
Não sapatÊio nas baladas
Sou um "reservAdo" por Meu direito.

As mulhEres que conheci
Se fOram sem me conhecer!

Pega LEve mano brother!
Sou VaLEnte Cavaleiro!
Grande gaaaarOto da alegria.
Minha espAda é meu semblante e me garante.
Todo o meu peito arrepia
em cada aventura,  em cada briga!

Sou guerreiro celibAto
Sou um Valente danAdo!

-      huahuahuhauhuahuhauhuahuhuhau!!!!
-      Que foi Deus Noite?
-      Você é virgem, EUNUCO!!! Huahuahuhauhauhauha!!!
-      Eu não sou Eunuco!
-      Olha Valente, para mim dá no mesmo! Bom! Temos que elaborar
um plano para pegar o meu reino de volta e tirar o seu cavalo deste
apuro. Seeeeeee você for beeeem legal e me ajudar, eu vou te dar
algo que vai ser útil para tooooda a sua vida!!!
-     
-      O que é?
-     
-      UMA CAMISA DO MUNDO VAMPYR!!!

-      Ebaaaaa! Cadê? Me dá agora!!!

-      Oras... É sua! É só pegar lá no Mundo Vampyr!!!

-      Ah! Então está bem! Vou pelo Branco.

-      Mas leve as estacas!

-      O que?

-      Sim Valente! No mundo Vampyr só existem... Vampiros!

Valente engole seco quando Deus Noite mostra seus caninos
pontiagudos e diz:

-      Vampiros de novo? Eu odeio Vampiros...

Continua...

Anúncios

Uma resposta to “O homem que queria ser rei”

  1. …Kd a continuação????
    Cavaleiros medievias com suas armaduras…minha outra paixão…rs.
    Muito bom mesmo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: